Osasco:(11) 3681-6362 / Santana: (11) 2959-1482 | contato@medcindermatologia.com.br |
Medcin Dermatologia

Dermatologia Cirúrgica

A MEDCIN dispõe de salas de cirurgia totalmente equipadas dentro das normas legais para realização de procedimentos cirúrgicos ambulatoriais, tais como:

Retirada de pintas

Conhecidas cientificamente como nevos melanocíticos, as pintas são sinais de charme e, geralmente, a maior parte delas é benigna. Mas, em alguns casos, podem evoluir para um quadro mais sério, como câncer de pele.
Após avaliação, o dermatologista pode indicar a remoção cirúrgica (excisão). Para lesões menores, a excisão é simples, mediante anestesia local. No caso de lesões maiores, pode ser utilizada anestesia geral.
Quando há dúvida no diagnóstico o material coletado é enviado para biópsia após a remoção, para que haja confirmação.
A retirada das pintas também pode ser realizada por motivos estéticos. Consulte um dermatologista para avaliar o caso.

Retirada de cistos

Cistos são nódulos benignos que podem surgir em áreas diversas – mais frequentemente na face, no pescoço e tronco. Eles podem ser formados devido ao acúmulo de glândulas sebáceas ou também resultantes de traumas.
Dependendo da localização e das características do cisto, a remoção cirúrgica pode ser indicada para que não haja recorrência. O procedimento é simples e, por meio de anestesia local, é feita uma incisão e a remoção do cisto.

Retirada de tumores

Após avaliação médica, o procedimento cirúrgico pode ser indicado para a retirada total ou parcial de tumores benignos – como hemangiomas, siringomas, quelóides, lipomas – e malignos – como carcinomas e melanoma.
Nos casos de câncer de pele, tanto a lesão quanto um pedaço de pele ao redor desta são retirados (a chamada margem de segurança).

Eletrocirurgia e criocirurgia no tratamento de lesões benignas, como verrugas

Lesões pequenas que surgem em qualquer parte do corpo, as verrugas são benignas, mas podem afetar a parte estética e causar incômodo à pessoa, principalmente quando surgem no rosto e nas mãos. O tratamento varia de acordo com a idade do paciente e o tipo de lesão. Para as verrugas chamadas vulgares, o tipo mais comum, a crioterapia e a eletrocirurgia são opções de tratamento.

Crioterapia – procedimento seguro, rápido e eficaz, que promove o congelamento da verruga através da aplicação de nitrogênio líquido, causando sua destruição.

Eletrocirurgia – método que queima a verruga através de corrente elétrica, removendo-a.

Todos os procedimentos terapêuticos e diagnósticos são realizados em sala cirúrgica ambulatorial, equipada de acordo com normas ANVISA.